A saúde mental em tempos de covid | Contei

Quem um dia jamais sonhou ou imaginou estar passando algo semelhante a 2020? Pandemia, medo de contrair coronavirus e morrer, medo de transmitir e causar um mal a um ente querido, crise financeira, falência, e tudo isto sem um endline, sem uma perspectiva de futuro real.

Fomos obrigados no mundo todo a permanecer em casa, mudar totalmente nossos projetos, nossas viagens foram canceladas, casamentos, festas de aniversários, simplesmente 2020 é um ano para ser esquecido.

Pois é, temos um inimigo mundial invisível. Este problema de 2020 não tem rosto, nem dá pra fugir dele. Pode estar em qualquer lugar, representa um perigo permanente, o que dispara o gatilho da tensão a todo instante.

Isto tudo acaba por transcender o fator “covid”e passamos a ter uma outra pandemia, eis o começo de uma dura jornada mental, que pode desembocar em ansiedade, depressão.

A saúde mental em tempos de covid

A saúde mental em tempos de covid

De acordo com a psicóloga samara dal-lago são fatores importantes para lidar com a saúde mental neste momento:

Em primeiro lugar precisamos compreender que saúde mental é tão importante quanto a saúde física. Nossas emoções e pensamentos precisam ser compreendidos e tratados com a mesma seriedade. É compreensível que diante da pandemia estejamos frequentemente estressados, preocupados com medos e incertezas, são reações normais diante de uma situação anormal, o que vai diferenciar ser patológico ou não é o grau no qual isso ocorre, por isso a importância do acompanhamento profissional de psicólogos e psiquiatras. Aos que já fazem acompanhamento é indicado que deem continuidade ao tratamento e aos que ainda não fazem e estão sentido níveis de estresse, ansiedade e/ou sintomas depressivos mais elevados, é a melhor hora para começar a se cuidar.

Além disso, para lidar com essa nova realidade é necessário criarmos uma rotina que tenha uma regularidade nos horários de trabalho, estudos, refeições e descanso. Além disso manter hábitos saudáveis como uma alimentação balanceada e rotina de exercícios garantirá o equilíbrio químico cerebral. Devemos também manter ativa a rede socioafetiva, utilizando a tecnologia ao nosso favor para estabelecermos contato, mesmo que virtual, com familiares e amigos.

Procure realizar atividades que te tragam prazer, ler um livro, assistir um filme ou série, cantar, dançar, aprender a tocar um instrumento ou a cozinhar um prato novo. Técnicas de meditação, mindfulness e respiração são grandes aliadas na manutenção de sintomas ansiosos.

A saúde mental em tempos de covid

A saúde mental em tempos de covid

Cabe ressaltar a importância de atos de solidariedade e empatia. Mesmo sem sair de casa é possível ajudar quem está mais vulnerável, doando e/ou distribuindo alimentos, roupas, cobertores e produtos de higiene e até mesmo com atitudes simples como perguntar ao seu vizinho se ele está precisando de algo. Não esqueceremos também que os casos de agressões contra mulher aumentaram cerca de 30%. Portanto a qualquer sinal, quebre o silencio, denuncie.

Temos que entender e nos adaptar a um novo “normal”, afinal, lidamos com uma doença em que não há perspectiva de vacinas ou remédios com capacidade de cura para os próximos meses. Porém sabemos que tudo isto terá um fim, e como o sol irá raiar mais uma vez, necessitaremos estar com a saúde mental em dia para usufruir do novo tempo que está por vir.

Dr. Thiago Melo
Cirurgião Vascular
@drthiagomelo

Samara Dal-Lago
Psicóloga
@samara_dallago