Como a fotografia transforma a comunicação e tem sido meio de trabalho para diversas mulheres? | Contei

Projeto incentiva mulheres a se tornarem mais independentes e que buscam uma maneira de se descobrir.

 

Para muitos, a fotografia é apenas uma maneira de registrar um momento bom, como aniversários, nascimentos, casamentos ou encontros, mas para outros, é uma forma de trabalho, prazer e instrumento para a independência. Usada desde 1826, a “caixinha mágica” que registra tudo com apenas um click, transmite o sentimento através da imagem. Mas como isso tem sido mostrado nas redes sociais? Como está surgindo o desejo de fotografar o que é belo?

Lançada em 8 de janeiro de 2020, o Projeto Dama Gita tem o intuito de incentivar mulheres empoderadas a obterem uma nova liberdade, se redescobrindo pelas lentes das câmeras, cada uma do seu jeito, por conta de uma linguagem universal que vai além das palavras. Através da fotografia, mulheres são ensinadas com as redes sociais, macetes básicos para melhorar as fotos e fazer disso um instrumento de trabalho. Vendo que isso tiraria o melhor do seu trabalho, ela lança o projeto direcionado para mulheres empoderadas, prontas para descobrir o novo e registrar o que desejam.

Apaixonada por comunicação, Juliana (a Dama Gita) entende que as cores, texturas, movimentos e objetos mostram o melhor do mundo, do jeito que a câmera é capaz de capturar. Com publicações diárias, ensinamentos são passados para que o melhor seja tirado dos seguidores que buscam entender melhor o universo da fotografia e transformam isso em uma fonte de renda. Então colocou em prática tudo aquilo que desejava e passou seus ensinamentos para que mais pessoas realizem sonhos como ela realizou.

Entender que mulheres precisam de uma nova confiança, precisam se empoderar, mostra que a fotógrafa pensou em como o próprio trabalho mudaria a vida de tantas outras que precisavam de um incentivo, um start e consegue isso através das redes sociais, enviando para as lentes das câmeras para descobrir os flashes, iso, iluminações e tudo o que a foto pode trazer de bom para uma só pessoa.

Com um mês desde seu lançamento, Dama Gita já tem uma visão que no futuro, terá ajudado centenas de mulheres que precisam de um direcionamento no mundo da fotografia e que hoje, se inspiram na mulher que já passou por um grande processo de aprendizado nessa era fotográfica.