Norma Zuccheratto mostra que não há idade para ir em busca do seu sonho | Contei

Se você tem um sonho, mas acha que não tem mais idade para isso, conheça a história de uma mulher que jamais desistiu até alcançá-lo

Por: Bianca Martins

Há pessoas de diversas idades que sonham em seguir a carreira artística, porém, neste universo, o corpo e a estética acabam sendo alguns dos critérios decisivos, e muitos acham que não tem o corpo ideal, ou até mesmo a idade adequada. Mas ao longo dos anos, isso foi mudando com toda a luta por inserção de diversidade e não há mais um “padrão” único para ser seguido e realizar um sonho. Assim como a história de Norma Zuccheratto, uma mulher com mais de 50 anos que conseguiu alcançar algo que não esperava, mas que sempre a encantou: ser modelo.

Norma nasceu em Guarulhos, na cidade de São Paulo e é filha de descendentes de espanhóis e italianos. Se formou em História e lecionou em escolas públicas e privadas boa parte de sua vida. Mas, como a aposentadoria estava próxima de chegar, ela precisava decidir o que fazer. E em 2019 a sua vida tomou um rumo surpreendente. Após receber um convite para um teste de foto para uma agência de modelos em São Paulo, ela se apaixonou por este mundo e se tornou modelo.

Com 50 anos, e após ter uma carreira sólida na educação, Norma conta sobre a nova experiência: “Após a primeira sessão de fotos começava a minha carreira de modelo, e mesmo estando próxima da aposentadoria como professora, eu estava determinada a mudar de vida e iniciar uma nova carreira” revelou a modelo.

Norma Zuccheratto

Após realizar desfiles e trabalhos como modelo, Norma diz que trabalhar com moda após os 50 anos, tem sido algo incrível, e que esse é um processo

maravilhoso: “Neste momento da vida já construí valores, acumulei conhecimentos preciosos e despertei habilidades. Assim, com a soma de todos esses aprendizados e outros que estou aprendendo, posso me sentir segura do que quero, como quero e onde quero chegar”. E afirma que a idade não é um empecilho em sua nova trajetória:

“No mundo da moda esse segmento por si só mostra que […] a idade não é uma barreira para chegar onde se quer, que cada linha de expressão é um aprendizado a mais; que cada ano vivido expressa a nossa maior contribuição com o mundo e com o bem. Nosso mundo amadurece, e amadurecer é assim, é ser feliz e fazer as pessoas ao nosso redor felizes também”, finalizou.